LED traz economia e experiência nos supermercados

LED traz economia e experiência nos supermercados

Por Rodrigo Travi   11 de Dezembro de 2019 às 14:00

  • Link facebook
  • Link linkedin
  • Link pinterest
  • Link twitter
  • Link whatsapp
  • O setor de supermercados registrou, segundo a Associação Brasileira de Supermercados (Abras), aumento de 8,05% nas vendas entre abril de 2018 e abril de 2019. Para atuar competitivamente no segmento que está em constante crescimento é necessário investir em inovação para eficiência energética. E uma das formas com ótimo retorno de investimento é por meio da iluminação de LED.

    Uma pesquisa da Kellogg School of Management descobriu que a iluminação pode alterar a probabilidade de uma pessoa tomar decisões de compra prazerosas e não práticas. A luz ambiente é uma experiência muito importante e por meio do LED pode ser mais facilmente controlada, contribuindo para o aumento na venda de itens valorizados pela incidência de luz adequada, por exemplo.

    Sem a iluminação correta, a mercadoria não ganha atenção, desperta pouco interesse e simplesmente não vende. Por outro lado, o excesso de luz poderá acarretar em ofuscamento. O ideal é procurar atingir o equilíbrio, evidenciando o produto sem incomodar os clientes.

    Nos supermercados o ideal é que as luminárias tenham um facho de iluminação mais aberto, pois desta forma é possível distribuir melhor a luz e gerar pouca sombra nos ambientes comuns. Já no caso de atacados ou “atacarejos”, que têm porta-paletes altos, o indicado são as luminárias com facho fechado, canalizando a luz para o corredor, do contrário a parte superior será iluminada, gerando sombra e uma luminosidade ineficiente.

    Para tornar um ambiente de público popular mais atraente, uma luz mais clara, forte e uniforme é mais efetiva, pois transmite a impressão de agilidade. No caso de lojas sofisticadas, o uso da sombra é importante para dar uma sensação de conforto. O ideal é produzir contraste da iluminação ambiente, focando a luz nos objetos mais importantes para venda e ofuscando o que não remete a venda. Porém cuidado, pois uma loja que se encontra em autêntica penumbra traz, certamente, uma péssima primeira impressão. O mesmo acontece se, ao entrar, o cliente tiver a sensação que levou um flash nos olhos, pois haverá desconforto causado pelo ofuscamento.

    Outro aspecto da iluminação que é de extrema relevância quando se fala no destaque e na valorização de determinados produtos nos setores de frutas e verduras ou panificadoras, por exemplo, é o índice de reprodução de cor (IRC). Uma iluminação com baixo IRC pode tornar produtos de muita cor, como frutas, verduras e pães pouco atrativos e diminuir consideravelmente as vendas destes itens.

    Podemos resumir assim as premissas luminotécnicas para supermercados:

    Além disso, iluminação LED conta com vantagens para o estabelecimento em termos de temperatura ambiente e consumo de energia, pois esse tipo de iluminação não exige manutenção com a troca constante e em curto prazo de luminárias, evitando transtornos na montagem e desmontagem de andaimes, por exemplo. Outro entrave para os procedimentos de manutenção é o acesso ao supermercado, que não é fácil. Geralmente, ocorre fora do horário de expediente do estabelecimento, necessitando de mão de obra e adicional noturno. Vale destacar que o LED também tem o benefício da confiabilidade e o risco de incêndio ou explosão é significativamente menor do que em luminárias convencionais.

    Em termos financeiros, a maior vantagem é que a economia pode ficar em torno de 60%, quando se comparando a substituição de lâmpadas convencionais por luminárias LED de alto rendimento. Isso também significa que provavelmente serão utilizadas menos luminárias do que em um projeto com luminárias e lâmpadas convencionais. Esse cálculo de equivalência é feito a partir da comparação entre dois cenários iguais em que só muda o tipo de iluminação. A diminuição de carga instalada gera economias no consumo de energia, bem como nos acessórios de instalações elétrica como cabos e interruptores.

    O ideal é que cada estabelecimento tenha um projeto customizado, conforme o porte e tipo de supermercado, levando em consideração o público alvo e as peculiaridades de cada ambiente.

    Tags

    paper plane
    Está gostando do nosso artigo?
    Então, assine nossa newsletter para ficar por dentro de todas as novidades da área de geração de energia solar,
    soluções em iluminação em LED e gerenciamento de consumo.
    *Não se preocupe. Seus dados estarão seguros conosco!

    Outros Artigos